segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Rajm: apedrejamento até a morte



Veja bem, não foi Maomé quem inventou o apedrejamento como castigo, especialmente o apedrejamento de adúlteros. Mas foi ele quem forçou uma volta a esta prática, depois dela ter sido abolida oito séculos antes por Jesus, como descrito no Evangelho de João, capítulo 7, e até mesmo abandonada pelos judeus. Por causa de Maomé, a prática do apedrejamento como punição tem sido propagada até os tempos atuais.

Como o exemplo de Maomé é, obviamente, normativo para o comportamento islâmico, uma vez que "em verdade, no mensageiro de Alá é um bom exemplo para quem olha para Alá e para o Último Dia, e se lembra muito de Alá" (Alcorão 33:21), o apedrejamento foi perpetuado, e incluído na Lei Sharia:

o12.0 A PUNIÇÃO PARA FORNICAÇÃO

o12.6 Se a punição é apedrejamento, eles são para serem apedrejados, não interessa o tempo nem se eles estão doentes. Uma mulher grávida não é apedrejada até que ela tenha dado à luz e a criança e esta não precise mais de amamentação.

O apedrejamento adúlteros não é um comportamento "extremista"; é lei islâmica. O Califa Umar, um dos companheiros mais próximos de Maomé, até mesmo alegou que a punição do apedrejamento era originalmente parte do Alcorão:

'Umar disse: "Eu tenho medo que depois de um tempo se passar, as pessoas podem dizer:" Nós não encontramos os versos do Rajam (apedrejamento até a morte) no Livro Sagrado ", e, consequentemente, podem se perder, deixando um obrigação que Deus revelou.Eu confirmo que a pena de Rajam seja infligida à aquele que comete intercurso sexual ilegal, se ele já é casado, e que o crime seja provado por testemunhas, gravidez, ou confissão. "Sufyan acrescentou: "Eu memorizei esta narração desta forma." 'Umar acrescentou: "Certamente, o Apóstolo de Alá aplicou a pena de Rajam, e nós também depois dele." (Bukhari, vol. 8, livro. 82, número 816)

" Apóstolo de Alá" é, naturalmente, Maomé, que, de fato, realizou apedrejamentos. Aqui está o hadith no qual ele desafia os rabinos sobre o apedrejamento, em que no meio da barbárie e brutalidade, existe um ato final de amor e compaixão:

Os judeus vieram ao Apóstolo de Alá e disseram que um homem e uma mulher, de entre eles, haviam cometido intercurso sexual ilegal. O Apóstolo de Alá disse-lhes: "O que você acha da Torá (Antigo Testamento) sobre a punição legal de Ar-Rajm (apedrejamento)?" Eles responderam: (Mas) nós anunciamos o crime e os açoitamos. "Abdullah bin Salam disse," Você está dizendo uma mentira. A Torá contém a ordem de Rajm." Eles trouxeram e abriram a Torá e um deles colocou a sua mão no verso de Rajm e leu os versículos anteriores e os posteriores. Abdullah bin Salam disse para ele: "Levante a sua mão." Quando ele levantou a mão, o versículo de Rajm foi descoberto. Eles disseram, "Maomé disse a verdade, a Torá tem o verso de Rajm.” O Profeta, então, deu a ordem de que ambos deveriam ser apedrejados até a morte. 'Abdullah bin 'Umar disse: "Eu vi o homem inclinado sobre a mulher para protegê-la das pedras." (Bukhari, vol. 4, livro. 56, número 829)

Em outro hadith, Maomé condenou uma mulher ao apedrejamento:

Uma mulher veio até Maomé dizendo: Mensageiro de Alá, eu cometí adultério, [...] Quando ela tinha dado à luz ela veio com a crianção (envolta) em trapo e disse: Aqui está a criança a quem eu dei à luz. Ele disse: vá e amamente-a até que ela esteja desmamada. Quando ela desmamou, ela voltou para ele com a criança segurando um pedaço de pão em sua mão. Ela disse, Apóstolo de Alá, aqui está ele pois ele está desmamado e come comida. Ele confiou a criança para um dos muçulmanos e então pronunciou a sentença punitiva. E ela foi colocada em uma vala até o seu peito e ele comandou as pessoas, e elas a apedrejaram. (Muslim 017, 4206)

Até mesmo os macacos praticavam o apedrejamento:

Narrado 'Amr bin Maimun:.. “Durante o período pré-lslamico da ignorância eu ví uma macaca sendo apedrejada por um grupo de macacos porque ela havia cometido adultério. Eu me juntei aos macacos para apedrejá-la.” (Bukhari,Volume 5, Livro 58, Número 188)


Animação do relato do hadith the Muslim, 017, 4206, quando Maomé ordena o apedrejamento de uma mulher adúltera. E como o exemplo de Maomé é normativo do comportamento islâmico, a punição de apedrejamento (rajm) é prescrito na lei islâmica (sharia).

Algo curioso e até mesmo cômico, é que segundo Aisha, a menina que Maomé consumiu como esposa aos nove anos de idade, um bode comeu o pergaminho que continha o verso do Alcorão que mencionava a punição por apedrejamento (Hadith 1944de Sunan Ibn Majah).

Muitos países muçulmanos abandonaram esta forma bárbara de punição devido à influência secular democrático-ocidental (o lado positivo do colonialismo). O apedrejamento até a morte por adultério, é uma forma legal de punição no Irã, Arábia Saudita, a parte predominantemente muçulmana do norte da Nigéria, a parte do Afeganistão e do Paquistão controlada pelo Taleban e a região controlada pelos islâmicos da Somália. A província de Aceh, na Indonésia, legalizou o apedrejamento de adúlteros em 2009. Nos países governados pela Sharia governado, como a Arábia Saudita e o Irã, o apedrejamento é uma forma de punição legal. Os infratores são mortos por apedrejamento em uma base regular, mas esses casos têm pouca atenção da imprensa no mundo exterior. Apedrejamento à morte de adúlteros e / ou fornicadores são também relatados em países como o Sudão, Turquia, Nigéria e Paquistão, perpetrados extra-judicialmente através de fatwas pelo imãs local ou por tribunais islâmcos das aldeias.

E como os muçulmanos vêm a pena de morte por apedrejamento? Segundo a Pew Research, em 2010, eram favoráveis ao apedrejamento a seguinte percentagem de muçulmanos: Egito (82%), Paquistão (82%), Jordânia (70%), Nigéria (56%), Indonésia (42%), Líbano (23%) e Turquia (16%).

Alguns artigos interessantes sobre apedrejamento estão listados abaixo:

  1. Stoning to Death for Adultery in Islam: The Missing Stoning Verse of the Quran Eaten up by a Goat
  2. Can’t Merciful Allah forgive? part 1

 Uma discussão sobre “rajm” (apedrejamento) sob uma ótica islâmica (em inglês):
  1. Islamhelpline

Vídeos


Sharia sendo implementada na província de Aceh, Indonésia. 


Janeiro 2016
Iêmen: mulher acusada de adultério e prostituição é enterrada até o pescoço e apedrejada até a morte
Isso aconteceu na cidade de Al Mukalla, sob o controle da Al-Qaeda na Península Arábica (AQAP) desde abril do ano passado. (Daily Mail)

Atualização em abril de 2014

Brutalidade: sexo antes do casamento faz casal ser apedrejado até a morte pelo Estado Islâmico
Apedrejamento à céu aberto e na frente de crianças para que elas cresçam com o gosto de sangue na boca. (Fonte)

Atualização em março de 2015

Mulher, acusada de adultério, sendo morta por apedrejamento. Repare a bandeirinha preta sendo segurada. Preste atenção nela. Existem muitos maometanos devotos que a desfraldam com orgulho no Brasil!


Atualização em dezembro de 2014

Afeganistão: casal apedrejado
Lembre-se que o Talibã era o governo do país, e está prestes a voltar devido à iminente "rendição dos EUA."


Lei islâmica em ação no Afeganistão 
Lembre-se que o Talibã era o governo do país, e está prestes a voltar devido à iminente "rendição dos EUA." (https://www.youtube.com/embed/9OkpVUY4B5A)





Nenhum comentário: