quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Atualizações do mês de setembro de 2013


Abaixo encontram-se as atualizações do mês de setembro ...

Perseguição aos cristãos (Intolerância religiosa) - Exemplos

 

Nigéria: muçulmanos assassinam pastor cristão, queimam sua igreja e cinco casas
O que é islamofobia mesmo? (Associated Press)

Quênia, Paquistão, Egito, Síria, Nigéria, Indonésia ... agora é temporada de caça aos cristãos
Ataques a cristãos e outras minorias no mundo de maioria muçulmana estão a aumentar e uma situação que já era terrível está piorando ..


Veja bem, ser taxado de islamófobo ou racista não vai adiantar muito mais diante da escalada atual na limpeza étnica destas populações indígenas cristãs.

Lembrem-se do que aconteceu com os judeus, nos anos 30 e início dos anos 40, com a destruição de metade da sua raça através de uma dúzia de países, em sua maioria nas mãos dos nazistas alemães, em seguida, em 1947 e 1948, quando 850.000 judeus foram expulsos de terras árabes pelos nazistas muçulmanos. Eles sabem exatamente o que estão fazendo, eles fizeram isso
antes (FoxNews).

Papa soa o alarme sobre a perseguição anti-cristã
"Muitos cristãos no mundo estão sofrendo", disse o papa durante sua audiência geral da manhã, na Praça de São Pedro. "Eu sou indiferente a isso, ou isso me afeta como se fosse um membro da família?"

"Será que isso toca o meu coração, ou isso realmente não me afeta, [saiber que] tantos irmãos e irmãs na família estão dando suas vidas para Jesus Cristo?"

De acordo com a Sociedade Internacional para os Direitos Humanos em Frankfurt, Alemanha, 80 por cento de todos os atos de discriminação religiosa no mundo de hoje são dirigidas contra os cristãos.

O Centro para o Estudo do Cristianismo Mundial, nos Estados Unidos estima que, na última década, uma média de 100 mil cristãos morreram a cada ano, no que o centro chama de "situação de testemunha", ou seja, por motivos relacionados com a sua fé. (National Catholic Reporter)

Veja bem, 11 cristãos foram mortos a cada hora devido a sua fé ao longo da última década, e a Organização da Cooperação Islâmica, que nega o anti-semitismo muçulmano / islâmico, promove a mentira escandalosa de que a islamofobia é a maior forma de preconceito no mundo de hoje.

Duas igrejas atacadas na Síria: cruzes quebradas e substituidas pelas bandeiras da Al-Qaeda
Ontem, o "Estado Islâmico do Iraque e do Levante" (ISIL), grupo associado à Al-Qaeda, quebrou e arrancou fora as cruzes de duas igrejas cristãs - a Igreja da Anunciação e a Igreja dos Mártires - em Raqqah, uma cidade no norte da Síria. Eles incendiaram artefatos religiosos retirados de dentro das igrejas, e astearam a bandeira do islão no topo destas igrejas. (Raymond Ibrahim)

  
O guerreiros sagrados (mujahidin) trocando a cruz pela bandeira negra do islão

Egito: Perseguição leva a fechamento de mosteiro do século 5
Um dos mosteiros mais antigos do mundo foi forçado a fechar suas portas por causa da deterioração da segurança no Egito, devastando a economia dos arredores. O Mosteiro de Santa Catarina foi construído por ordem do imperador Justiniano I, que reinou 527-565, no local sob o Monte Sinai, onde, segundo as escrituras, Deus falou ao profeta Moisés de uma sarça ardente. (The Guardian)


Independente de que lado ganhar na Síria, os cristãos saem perdedores:
- Se Assad ganhar, apesar dele ter uma política de "não perseguir os cristãos" (Assad perseguem quem é contra o governo dele), os cristãos já foram deslocados e mortos devido à guerra civil.
- Se a Al-Qaeda ganhar (com o apoio dos EUA, diga-se de passagem) a perseguição vai ser em massa. 
Nós estamos presenciando fim do cristianismo na região onde ele começou. (
The Expectator)


Liberdade de Expressão e Blasfêmia -- Exemplos

Muçulmanospacíficos”tacam fogo em  dezenas de casas cristãs no Paquistão
Isso aconteceu em março/2013. Um muçulmano discutiu com um cristão e não gostou disso. No dia seguinte ele acusou o cristão de ter difamado Maomé. Centenas de muçulmanos atacaram casas de cristãos, ateando fogo, e também desecraram uma igreja. Os cristãos são pobres e perderam tudo (AP). Esse é mais um exemplo do que acontece como consequência da lei da blasfêmia



Içar da bandeira da China nas Mesquitas irrita os muçulmanos uigures
A China é outro país que não tem muito esta coisa de "politicamente correto." Eles obrigam os muçulmanos uigures a içarem a bandeira da China sobre o portal que indica a direção de Meca. É como se os muçulmanos estivessem rezando para a bandeira chinesa. Eles consideram isso como restrição ao exercício religioso. De fato, o islão ensina que os muçulmanos não devem ter fidelidade com qualquer país, mas apenas com a “nação do islão” (a ummah). http://www.onislam.net/english/news/asia-pacific/464540-china-flag-in-mosque-angers-uighur-muslims.html


Rússia proíbe tradução do Alcorão, considerada como extermista
Os russos não tem este papo furado de “politicamente correto. O Tribunal Distrital da cidade portuária russa de Novorossiysk decidiu que a tradução do Alcorão para o idioma russo, feita por Elmir Kuliev,  é "reconhecida como extremista" e, portanto, proibida pela legislação russa que impede a divulgação e posse de material considerado "extremista".

A reação já era esperada: promessa de tumultos de rua (ou pior) se a decisão deste tribunal não for revertida. http://www.reuters.com/article/2013/09/20/us-russia-koran-idUSBRE98J0YW20130920 Por muito menos, o auto-proclamado profeta iniciou guerras.

Líderes islâmicos na Índia emitem fatwa contra desenhos animados e histórias em quadrinhos
Clérigos islâmicos na Índia emitiram uma fatwa contra charges e desenhos animados, dizendo que elas fazem uma paródia do que eles dizem são criações de Alá. A proibição decorre de líderes religiosos do seminário de Darul Uloom, na comunidade Deoband da Índia. Ela engloba todos os shows animados, mesmo aqueles com tons cômicos, como desenhos animados, dizendo que ver os desenhos viola os princípios básicos do Islã, diz Deccan Herald. "A caricatura é um retrato", disse o clérigo Mufti Arif Quasmi ao Deccan Herald. "Além disso, não é para as crianças. Não deve ser assistida." Ao rigor, a lei islâmica diz que nada que Alá criou deve ser ridicularizado. 

Darul Uloom, no passado, emitiu fatwas contra mulheres que usam perfume com álcool, que tenham tatuagens, que vistam calça jeans ou que adotem penteados semelhantes aos usados por mulheres no Ocidente. (
The Washinghton Post)




Bali, Indonésia.
Esta é a ÚLTIMA ilha Hindú na Indonésia. A Indonésia já foi uma terra pacífica composta de hindus, até que o islão apareceu. Entenda uma coisa também, essa é a mais bela ilha na Indonésia e ela está sob ataque. O Hinduísmo está em declínio aqui també. Em 1990, 90% da população era hindu. Hoje ela é um pouco menos de 80%. Dentro de 50 anos os muçulmanos também se tornarão a maioria nesta última ilha. Esta ilha também foi bombardeada por jihadistas islâmicos em 2002.


Exemplos de "Direitos" das Mulheres sob o Islã

  
Grupos muçulmanos bucam legalização do casamento infantil na Índia
Dos 3.404 casos de casamentos de menores de idade relatados em 2012 no estado de Kerala, 2.827 casos foram notificados a partir da comunidade muçulmana sozinha. Assim, cerca de 85% dos casamentos pedófilos são por muçulmanos (e eles são uma minoria), o que diabos é que todos esses homens muçulmanos querem com as crianças o tempo todo? Realmente isso é doentio e me faz querer vomitar (Atheist Republic).


Inglaterra: Muçulmano devoto bate na mulher para ela usar o véu islâmico
Um muçulmano devoto sujeitou sua esposa a um ano de pancadaria, aterrorisando-a para que ela vestisse o véu islâmico, foi preso, mas pode sair livre - em apenas oito semanas (MailOnline). Uma pena de apenas oito semanas!

Irã passa uma nova lei permitindo que um homem pode se casar com sua filha adotiva de 13 anos de idade
Ativistas de direitos humanos dizem que projeto de lei aprovado legaliza a pedofilia (The Guardian).

“As mulheres muçulmanas não se importam se você se sentir desconfortável com elas usando o niqab”
Em um artigo no Huffighton Post, uma mulher muçulmana diz que as muçulmanas não estão nem aí se você se sentir desconfortável com o modo que elas se vestem. Isso é bem islâmico, pois para eles, o islão é superior e o resto é que deve se adaptar.

Mas vá você fazer um muçulmano ortodoxo se sentir desconfortável?

A questão toda é que o véu islâmico, seja ele qual for, sinaliza o apego da mulher que o usa para a ideologia mais conservadora e reacionária do islão, a crença de que Alá quer que os muçulmanos governem politicamente os não muçulmanos através da lei Sharia.

O uso do véu é um sinal de desdém da mulher que o usa para se impor às normas culturais da cultura ela está tentando colonizar. Indica que ela não tem a intenção de assimilar a cultura ocidental, mas sim que ela deseja que o ocidente seja parte de uma colônia da Sharia.

Sim, as mulheres muçulmanas têm e devem ter o direito a véu.

Mas elas também devem saber que os não muçulmanos entendem toda a sua mensagem, de forma alta e clara.


Paquistão: Uma quadrilha de muçulmanos estuprou uma menina cristã e tentou forçá-la a abraçar o islão
Essa é uma tática aplicada na qual a mulher é estuprada primeiro, e, sentindo-se insegura, acaba aceitando a pressão dos estupradores. Essa é mais uma história de uma menina pobre, e mostra um dos modos usados para limpar étinicamente os cristãos de uma região. http://www.youtube.com/watch?v=ySqubBTeGYY

Indonésia: Estudantes do sexo feminino na Indonésia podem ser forçadas a se submeterem a 'testes de virgindade'
De acordo com Muhammed Rasyid, chefe de Educação no Sul da Sumatra, os testes de virgindade irão  "proteger as crianças da prostituição e sexo livre." O planos do Sr. Rasyid exige que mulheres jovens com idade de 16 a 19 tenham seu hímen verificado a cada ano até a formatura. É a terceira proposta deste tipo na Indonésia, país de maioria muçulmana. O Partido islâmico da Justiça Próspera disse ao Jakarta Post que "a virgindade é sagrada, portanto, é uma vergonha para uma aluna perder a virgindade antes de se casar." (The Guardian)

GB: Mutilação Genital
2.000 mulheres vítimas de mutilação genital procuram ajuda em hospitais de Londres em apenas três anos, mas número real é "muito maior do que os números oficiais mostram"
- 300 vítimas necessitaram de cirurgia para reparar os danos causados pelo ritual brutal
- Uma dúzia de crianças precisaram de ajuda médica, incluindo uma com uma 'ferida aberta'
- Especialistas dizem que os números não dão uma imagem completa do número crescente de casos

Autoridade Palestina denuncia mulheres que protestam contra crimes de honra, e as exorta, ao invés, a matar judeus
Esta foi a reação do "governo da Palestina" à uma manifestação de mulheres contra os chamados "crimes de honra." (Frontpage)

Iêmen: menina de 8 anos morre durante lua-de-mel com marido de 40 anos
Criança foi vendida pelo padrasto por cerca de R$ 6 mil a um saudita. Segundo os médicos, a menina morreu com ferimentos internos no útero (Pragmatismo Político).
  

Boletim de Anti-Semitismo


Muçulmanos em Jerusalém tentam queimar família judaica

Egito ameaça Hamas: Cairo promete resposta militar sobre o papel palestino em agitação islâmica
Como é o Egito a ameaçar o Hamas, a imprensa internacional não se preocupa. Mas se fosse Israel ... A propósito, o Egito não tem "regras de engajamento" como Israel, de modo que os escudos humanos do Hamas não irão funcionar.
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=g6P96lHmEtQ

Mesquitas: lugar de oração ou central de operação?


Egito proibe as orações da sexta-feira em pequenas mesquitas
O Ministério de Assuntos Religiosos está planejando proibir as orações semanais de sexta-feira em pequenas mesquitas a partir de 1 de Outubro. O movimento é parte integrante de uma repressão do governo nas mesquitas e pregadores  "não licenciados." (World Bulletin) Essas pequenas mesquitas são usadas pela Irmandade Muçulmana para radicalização e lavagem cerebral.


Nenhum comentário: