sábado, 26 de dezembro de 2015

Diálogo Inter-Religioso - Exemplos (Islamização do Cristianismo)


O nível de insanidade que vem acometendo autoridades religiosas é tamanho que eu resolví agrupar as entradas sobre "Diálogo Inter-Religioso" em um único artigo, para facilitar a leitura. De início, eu sugiro que se leia os artigos:
Mensagem ao Papa Francisco frente à perseguição dos cristãos ao redor do mundo, e no Oriente Médio, e sobre o “diálogo inter-religioso” com o islamismo http://infielatento.blogspot.ca/2014/09/mensagem-ao-papa-francisco-perseguicao.html
Crislão = Cristianismo + Islão ... um estratagema para enganar idiotas
http://infielatento.blogspot.ca/2015/02/crislao-chrislam-crislam-cristianismo-islao.html

Abaixo, seguem uma lista de artigos publicados no blog bem como pequenas notícias ou artigos externos.

O Papa Francisco e sua falta de bom-senso no tocante à crise migratória na Europa

O que ele prega é contrário ao Catecismo da Igreja Católica


Por que São Tomás de Aquino se opõe a fronteiras abertas?

Cada nação tem o direito de distinguir, por país de origem, quem pode migrar para ela e aplicar políticas de imigração apropriadas, segundo o grande erudito medieval e santo Tomás de Aquino.

Papa Francisco não se intimida frente a ameaças turcas quanto ao Genocídio Armênio
Leia o artigo todo no link.

O Papa Francisco e o Grã-Imame da Al-Azhar
Leia o artigo todo no link.

Papa Calisto III e sua reação contra a jihad turco-otomona do século XV

Para o Papa Francisco, 'jihad' é o mesmo que 'evangelizar'

Papa Francisco: o que pedir ao Grão-Imame da Universidade Al-Azhar
E o que os muçulmanos nunca irão fazer


Alemanha: arcebispo de Colônia abraça o islão

Jesuítas promovem o islamismo no Rio de Janeiro (?)
http://infielatento.blogspot.ca/2015/02/jesuitas-promovem-o-islamismo-no-rio-de-janeiro.html

Autoridades cristãs brasileiras dão credibilidade ao islão, traindo ao Brasil e a Igreja
http://infielatento.blogspot.ca/2014/12/autoridades-cristas-dao-credibilidade-ao-islao.html

CARTA ABERTA AOS BISPOS E À IGREJA NO BRASIL
http://infielatento.blogspot.ca/2014/12/carta-aberta-aos-bispos-e-igreja-no-Brasil.html

Cardeal de São Paulo e Rabino paulista caem no engodo do diálogo inter-religioso
http://infielatento.blogspot.ca/2014/11/cardeal-de-sao-paulo-e-rabino-paulista-idiotas-uteis.html

Será que este Cardeal aposentado se converteu para o islão, ficou senil ou é apenas um idiota útil?
http://infielatento.blogspot.ca/2014/09/cardeal-mccarrick-idiota-util.html

Islamização acontece aos poucos. Um exemplo em São Bernardo do Campo
http://infielatento.blogspot.ca/2014/08/islamizacao-Sao-Bernardo-do-Campo.html

Arcebispo de Mosul, no exílio, alerta que nós seremos vítimas de perseguição em breve
http://infielatento.blogspot.ca/2014/08/arcebispo-de-mosul-avisa-o-ocidente-sobre-o-islao.html

Quem sabe mais sobre o islão: um cardeal da Nigéria ou um bispo dos EUA?
http://infielatento.blogspot.ca/2014/04/bispo-EUA-cardeal-Nigeria.html

Carta aberta para o Papa Francisco, com respeito a sua exortação apostólica Evangelli Gaudium
http://infielatento.blogspot.ca/2013/12/carta-aberta-Papa-Francisco-Wilders.html

O Bispo que não reza, e o Papa que só vê o bem em tudo
http://infielatento.blogspot.ca/2013/12/o-papa-que-ve-apenas-o-bem.html



Notícias

(agosto 2018)

Alemanha: Igreja Evangélica busca o lucro com a imigração em massa, mesmo sob o corpo morto de uma jovem mulher
Sophia l de 28 anos estava a caminho de casa em meados de junho, indo de carona de Leipzig para Amberg, ambas na Alemanha. Ela sumiu, depois que ela tinha subido para o caminhão de um homem marroquino de 41 anos. Mais tarde o corpo queimado dela foi encontrado na Espanha.

No serviço fúnebre de ontem, o presidente do Conselho da Igreja Evangélica na Alemanha (EKD), Heinrich Bedford-Strom, disse:
"Talvez ela ainda estivesse viva se tivesse vivido com desconfiança. Mas isso seria uma vida melhor? Poderia ter sido a vida dela? Como ela poderia radiar o amor e a alegria de viver que pertencia a ela e qdeixam sua marca na vida de tantas pessoas que nunca perecerão?"
Obviamente que Bedford-Strom  não está impressionado com a morte de Sophia, pois ele continua a defender uma Europa de fronteiras abertas e uma imigração sem obstáculos para pessoas de todo o mundo.


O Conselho da Igreja Evangélica na Alemanha é uma gigantesca empresa social com mais de 500 mil funcionários. A igreja protestante é um dos maiores beneficiários da imigração em massa ilegal. (jungefreiheit)

(julho 2018)

Por que São Tomás de Aquino se opõe a fronteiras abertas?

Cada nação tem o direito de distinguir, por país de origem, quem pode migrar para ela e aplicar políticas de imigração apropriadas, segundo o grande erudito medieval e santo Tomás de Aquino.
Leia o artigo no blog.

O Papa Francisco e sua falta de bom-senso no tocante à crise migratória na Europa

O que ele prega é contrário ao Catecismo da Igreja Católica

Bispo italiano diz que está pronto para "transformar todas as igrejas em mesquitas" para ajudar a causa da migração muçulmana em massa

Itália: Revista católica compara Salvini ao diabo
A Famiglia Cristiana, uma revista católica, comparou o ministro do Interior Matteo Salvini ao diabo, em uma crítica alucinante às suas políticas anti-migrantes. A capa dizia: “Vade retro, Salvini.” O Sr. Salvini respondeu à Famiglia Cristiana através do Twitter escrevendo que, embora ele não seja um cristão "perfeito", "não creio que mereça isso". Ele acrescentou: "Estou confortado pelo fato de receber o apoio diário de tantos homens e mulheres da igreja". (thetablet)

Papa teme pela presença cristã no Oriente Médio
O papa Francisco manifestou no sábado a preocupação de que os cristãos desapareçam do Oriente Médio em meio a "indiferença assassina", quando líderes da Igreja da Síria e do Líbano pediram aos países ocidentais que ajudassem a devolver os refugiados sírios (France24). Em geral, o papa se mostra preocupado apenas quando se encontra com os líderes do Oriente.


Itália: governo quer crucifixos pendurados em todos os órgãos do governo
Mas, para surpresa geral, o assessor do Papa Francisco é contra a medida. Reverendo Antonio Spadaro preferiu politizar e usar algo que deve ser visto como positivo para criticar a política migratória do novo governo italiano, dizendo "O crucifixo grita amor ao inimigo e recepção incondicional" (CTV). Ele está errado. O crucifixo lembra o sacrifício individual de Jesus, que convida (e não obriga) os outros. O crucifixo também representa as raízes da nossa civilização e a resistência que precisa ser exercida contra a intrusão do islamismo que busca impor a lei islâmica (Sharia). E onde a Sharia governa, a civilização e culturas locais morrem.

(maio 2018)
Suécia: bispo luterano (Igreja da Suécia) apoia transmissão da chamada à reza islâmica
Isso irá ocorrer todas as sextas-feiras por três minutos, segundo permissão da polícia. Os muçulmanos e o bispo alegam que isso vai aumentar a integração. Diversos políticos locais e nacionais se declaram contra a medida, alegando que isso irá ampliar as divisões (Breitbart).


EUA: universidade católica e universidade metodista abrem salas de oração apenas para muçulmanos, onde segregação entre os sexos é permitida
Isso ocorreu na Univerdiade de Davenport, no estado do Iowa, e na Universidade Metodista, no Texas (College_Fix_1College_Fix_2).

(março 2018)
Bélgica: cardial vaticano Sarah diz que Ocidente está cometendo suicídio ao esquecer suas raízes cristãs
Original da África Negra, o cardeal diz que uma árvore sem raízes não se sustenta. (Breitbart)

(fevereiro 2018)
Suécia: bispo advoga pela chamada à oração islâmica em voz alta
O bispo Modeus, da Igreja Luterana sueca, está apoiando o pedido dos muçulmanos da cidade de Växjö de poderem transmitir a sua chamada à oração, cinco vezes por dia. Ele disse que quer ouvir isso junto com os sinos das igrejas [Bispo idiota, mude-se para a Arábia Saudita e peça permissão para construir uma igreja e todar o sino 5 vezes por dia, seu traidor sem fibra.] A Igreja Luterana sueca, a maior do país, é a mesma que elegeu uma bispa lésbica que defende a criação de espaço para as orações islâmicas dentro das igrejas. Não é de se estranhar a igreja sueca venha perdendo milhões de fiéis ao longo dos anos. A Igreja Sueca pertencia ao governo, mas passou a ser semi-autônoma desde 2000. Ela, contudo, reflete o pensamento do governo feminista da Suécia.  (Breitbart)

A bispa lésbica da Igreja da Suécia

EUA: para "im-pastora" metodista "nós somos todos muçulmanos"
Karen Oliveto é uma lésbica praticante e bispa da região "Big Sky" dos Metodistas Unidos dos EUA (Pulpit and Pen).


Grã-Bretanha: igreja promove evento inter-religioso "A Jihad de Jesus"
A igreja anglicana de Blackburn se juntou com islamistas e está promovendo um seminário baseado no livro de um escritor "cristão" australiano intitulado "A Jihad de Jesus: a luta pacífica sagrada em busca da justiça." Eles estão politizando Jesus em prol do islamismo (até onde eu me lembre, não usar o santo nome de Deus em vão é um dos dez mandamentos - exatamente isso que esses "cristãos" estão fazendo.) (lancashiretelegraph).

(dezembro 2017)
Europa: a islamização do Natal
"Uma submissão inaceitável e involuntária ao Islã" (Gatestone)
A reinvenção da teologia do Natal se baseia na falsa premissa de que o Jesus da Bíblia é o Jesus (Isa) do Alcorão. Esta fusão religiosa, por vezes chamada de "Chrislão", está ganhando terreno em um Ocidente ignorante no que diz respeito à Bíblia.
Uma escola em Lüneburg adiou uma festa de Natal porque um estudante muçulmano reclamou que as canções de Natal cantadas na escola eram incompatíveis com o Islã. Alexander Gauland, líder do partido anti-imigração Alternativa para a Alemanha (AfD), ressaltou que a atitude da escola representava "uma submissão inaceitável e involuntária ao Islã" e nada mais era do que uma "covarde injustiça" para as crianças não muçulmanas.
"O termo 'Natal', símbolo da nossa fé e cultura, não discrimina ninguém. A remoção dos símbolos natalinos não garante o respeito de ninguém, não produz uma escola e uma sociedade acolhedora e inclusiva, ao contrário, fomenta a intolerância contra a nossa cultura, nossos costumes, nossas leis e nossas tradições. Temos plena convicção que as nossas tradições devem ser respeitadas". -- Samuele Piscina, político de Milão.
Grã-Bretanha: igreja celebra nascimento do "Profeta Maomé" e de Jesus
Esta celebração conjunta aconteceu na Igreja de Todos os Santos em Kingston-upon-Thyne. Note como este evento está "marcando o aniversário do profeta Maomé", mas não está esperando o aniversário do Senhor Jesus Cristo, o Filho de Deus. Maomé é reconhecido como profeta, enquanto Jesus não obtém sua profecia nem seu sacerdócio; nem o seu reinado nem o papel messiânico. É o exaltado Profeta Maomé, juntamente com um Jesus sem atributos. Isso acontece porque, na cabeça dos cristãos envolvidos em "diálogo inter-religioso",  mencionar a divindade de Jesus iria, naturalmente, alienar muitos muçulmanos (Achibishop Craymer).

Grã-Bretanha: coral muçulmano celebra Alá na Catedral de São Paulo (anglicana) em Londres
Em um culto, com a presença de membros da família real britânica, o coral muçulmano cantou:
Não se desespere e não perca a esperança
Porque Allah está sempre ao seu lado
Querendo Allah, querendo Allah,
Você encontrará o seu caminho
Retorne para Allah
Ele nunca está longe
Coloque sua confiança Nele
Levante suas mãos e ore
Ohhh  Allah
Guie meus passos, por onde eu não devo andar
Você é o único que pode me mostrar o caminho
Me mostre o caminho
Ou seja, na igreja anglicana não é mais Jesus que mostra o caminho, mas sim Alá. (Gospel Prime)

Igreja irá remover bancos para atrair muçulmanos a cultos ecumênicos
“É importante estimular a coesão social e a interação entre muçulmanos e cristãos", afirma responsável pelo templo.
A igreja anglicana St. Thomas Werneth, em Oldham, na Inglaterra, mantém uma escola de educação infantil anexo ao templo. Em um levantamento este ano, descobriu que nenhum dos pais dos seus alunos se declara cristão. A maioria é islâmico e um percentual menor se declara “sem religião (Gospel Prime). 

(novembro 2017)
Papa Francisco exige que mundo resolva a crise dos muçulmanos rohingya
Ele disse isso durante sua viagem a Mianmar e a Bangladesh. (Yahoo)
Eu acho intrigante a retórica forte do Papa Francisco quando o assunto é a defesa dos muçulmanos. Por que ele não adota a mesma retórica em prol dos cristãos?

(set 2017)
Polônia: bispos pedem que 1 milhão de poloneses rezem na fronteira celebrando vitória sobre o islã
Eles conclamam os católicos a rezarem o terço para celebrar a vitória na Batalha de Lepanto, e também para pedir pela salvação do seu país (Breitbart).

(julho 2017)


Um artigo que descreve como estes eventos promovidos por mesquitas não passam de propaganda para enganar os trouxas, mostrando uma versão higienizada do islamismo.

Lei Islâmica Sharia e Dez Mandamentos: nada em comum
Artigo de Nonie Darwish explica que o islamismo foi criado 600 anos após o cristianismo não para afirmar a Bíblia, mas para descreditá-la; não para coexistir com o "povo do livro" - cristãos e judeus - mas para substituí-los. (Descurtindo o Islã)

Papa Francisco: "defensor do islamismo"
Ahmed Muhammad al-Tayyib, o Grão-Imã da Universidade Al-Azhar, no Egito, o maior centro islâmico do mundo sunita, agradeceu o Papa Francisco por defender o islamismo contra as acusações de violência e terrorismo." O Papa Francisco torna-se o primeiro papa a ter este reconhecimento. Até onde eu saiba, espera-se que o papa em Roma seja um defensor do cristianismo! (Crux)

PS. Por favor, não usem esta notícia para começar uma briguinha entre protestantes e católicos. Não existe nada mais improdutivo do que protestantes e católicos discutindo sobre diferenças que as pessoas de fora não enxergam. Além do mais, para o islamismo, ambos são kufar (infiéis) e merecem o mesmo tratamento!
Além do mais, o papa não é a única liderança religiosa que está errado com respeito ao islamismo. Existem muitos líderes protestantes e igrejas protestantes que tem feito muito pior. O problema é sério, muito sério.
PS2. Me refiro a todos os protestantes, incusive os evangélicos.

(junho 2017)
"O Islã está Ganhando Força na Europa com a Bênção da Igreja"
Já há inúmeros observadores católicos questionando a cegueira da Igreja em relação ao perigo que a Europa está enfrentando. (Gatestone)

Facebook suspende  temporáriamente sacerdote católico por criticar o Islã
O Facebook temporariamente suspendeu a conta do sacerdote católico Pe. John Higgins. Aqui está o post "ofensivo" (ChurchPop):
A Civilização Ocidental tem estado sob o ataque da ideologia da jihad islâmica desde o século 7. As invasões extremistas e totalitárias têm sido responsáveis pelas mortes de milhões. Isso não é uma "religião da paz",  isso é uma filosofia de conquista. As Cruzadas foram uma tentativa para manter cristãos e judeus em segurança em Israel e em outras partes do Oriente Médio, mas "intelectuais" modernos têm as classificado como horríveis. Os espanhóis expulsaram os jihadistas violentos para fora da Espanha. Os austríacos defenderam Viena deles. Carlos Martelo lutou contra eles no norte da França e agora nós estamos presenciando seus novos esforços de conquista e dominação  do mundo usando tecnologia moderna na sua tentativa insaciável em subjugar qualquer um que não professe e viva a sua crença. Eles abusam de mulheres, matam as pessoas gays, assassinam, e estupram crianças e justificam isso como a "vontade de Alá." Não é! Existem muçulmanos bons e pacíficos. E então existem os islamistas que são defendidos pelos ignorantes que se recusam a aprender história.

(fevereiro 2017)
Grã-Bretanha: Os muçulmanos superam os cristãos em mais de 30 escolas administrada por igrejas
A Igreja Anglicana da Inglaterra estimou que cerca de 20 de suas escolas têm mais alunos muçulmanos do que cristãos, enquanto que, de acordo com o Serviço de Educação Católica, em cerca de 15 escolas católicas o mesmo ocorre. Muitas das escolas parecem estar acomodando as práticas cristãs e muçulmanas. Algumas incorporaram orações islâmicas em seus atos de adoração e permitem que as meninas usem véu como parte do uniforme oficial. A Escola Primária de Todos os Santos, em Bradford, administrada pela igreja anglicana, vende hijabs para seus alunos. Especialistas em educação sugeriram que as escolas sejam transformadas em escolas seculares para evitar que os alunos se confundam. (Breitbart)

Leitura do Alcorão nas igrejas é uma “tendência preocupante”
Católicos e protestantes parecem não conhecer teor do livro sagrado do Islã (Gospelprime)

(janeiro 2017)
Escócia: versos que negam divindade de Cristo lidos em igreja anglicana
Liderança da igreja convidou muçulmana para ler o Alcorão, o que por sí só já é uma traição (Gospel PrimeBBC). Os fiéis que reclamaram estão sendo investigados pela polícia por "discurso de ódio (Christian Today).

Grã-Bretanha: capelão real que criticou a leitura do Alcorão que nega a divindade de Cristo em igreja é forçado a se demitir
O Reverendo Canon Ashenden se demitiu após uma conversa instigada pelo Palácio de Buckingham. (Express)

Italia: arcebispo alerta "seremos todos muçulmanos por causa da nossa idiotice"
Arcebispo Carlo Liberati disse que a decadência moral e religiosa favorece o islão, criticando a igreja por apoiar demais os imigrantes muçulmanos esquecendo dos cristãos. (Gospel PrimeExpress)

Líderes cristãos de várias seitas se manifestaram contra o plano do presidente dos EUA, Donald Trump, de dar preferência às minorias religiosas ao aceitar refugiados
(Sinceramente, é difícil de aceitar isso!)
Entre os que se opõem estão a Conferência dos Bispos Católicos dos Estados Unidos eo Serviço Mundial de Igrejas multidenominacional.
Embora claramente motivados por um admirável senso de igualdade, suas objeções não fazem sentido à luz da realidade enfrentada pelos cristãos em todo o Oriente Médio, mas na Síria e no Iraque em particular.
Em março de 2016, o Departamento de Estado dos Estados Unidos declarou que os ataques do ISIS contra os cristãos constituem genocídio. Não houve qualquer mudança para alterar essa classificação e os valores de direitos humanos concordam que as populações cristã e yazidi, em particular, estão em maior nível de risco por causa da perseguição contra eles devido à sua fé.
Dos refugiados admitidos oriundos da Síria em 2016, 99% eram muçulmanos e apenas 1% eram cristãos.
(Clarion)

(novembro 2016)
Austrália: pastor evangélico abre a sua igreja para as orações islâmicas da sexta-feira
O pastor Peter Humphris, traidor, ainda tem a audácia de dizer que "Maomé abrigou cristãos na primeira mesquita em Medina, Arábia Saudita no século VII." Idiota. Onde você leu isso? Você foi enganado pelo imã! Maomé nunca abrigou cristãos, muito pelo contrário, ele mandou expulsar todos os cristãos e judeus da Arábia. (Noticia Gospel)

(setembro 2016)
EUA: Resistência! Cardeal afirma que cristãos e muçulmanos não adoram o mesmo Deus
Cardeal americano Raymond Burque, ex-diretor da Suprema Corte do Vaticano, abre o verbo e diz claramente que cristãos e muçulmanos não adoram o mesmo Deus, pois Alá é um governante, a Sharia é a lei deles, e eles acreditam que a Sharia deve governar todos os homens.  O Cardeal disse que a Sharia não fundamentada no amor, e que dizer que todos nós cremos no amor não é incorreto. O Cardeal afimar que existem diferenças na abordagem relativas ao proselitismo e, notadamente, o conceito de Jihad. Ele concluiu dizendo que o mais importante para nós hoje é compreender o islão a partir dos seus próprios documentos e não projetar os nossos valores sobre eles. (NCRegister)

Declarações do Papa no seu retorno da Polônia
Eu estou intrigado com o Papa Francisco, que continua oferecendo folhas de oliveira para o Islão. Ele fez isso, novamente, durante entrevista no avião retornando da Polônia, onde ele se reuniu com 2,5 milhões de jovens católicos durante o Encontro Mundial da Juventude. Neste evento, o Papa também disse que não irá estar presente no próximo Encontro Mundial da Juventude daqui a dois anos, no Panamá. O Papa anteriormente havia dito que sua vida seria encurtada. Será que ele sabe algo que nós não sabemos? Os leitores do blog e desta página sabem que eu tenho sido crítico da postura do Papa quanto ao islão, mas o Papa vem, ao longo do seu pontificado, oferecendo folhas de oliveira, tentando construir pontes e derrubar muros, apenas para ver os seus esforços (ingênuos, do meu modo de ver) recusados por parte dos islâmicos. Qual a lição que podemos aprender quando o líder da maior religião do mundo* (o cristianismo) tem seus esforços de paz sistemáticamente rejeitados pelo islamismo?
* Desculpe se algum protestante não gostar desta afirmação, mas o fato é que o único lider do cristianismo cuja voz tem alcance mundial é o Papa. Eu espero que vocês compreendam o contexto deste texto.
"A ideia de conquista é inerente à alma do Islã, é verdade" 
(Papa Francisco, em entrevista ao jornal francês "La Croix")

Suécia: igrejas rumo ao Crislão
"Os sacerdotes têm medo de falar sobre Jesus durante a missa." — Eva Hamberg, episcopisa e professora, que renunciou ao sacerdócio em sinal de protesto e deixou a Igreja.
"A Igreja da Suécia pode estar caminhando para o Crislão" -- uma mistura do cristianismo com o Islã. Os sacerdotes suecos, ao observarem o fervor religioso dos muçulmanos que vivem na Suécia,  agora tomam parte, entusiasmados, de diversos programas de confraternização entre as religiões.
"O envolvimento que a Igreja da Suécia demonstrou em relação à vulnerabilidade dos cristãos palestinos, foi substituído pela indiferença para com a limpeza étnica dos cristãos da Síria e do Iraque. Naqueles países, as atrocidades são cometidas na maioria das vezes pelos muçulmanos, sendo evidentemente o bastante para que a Igreja da Suécia se debruce sobre questões ambientais e climáticas." — Eli Göndör, estudioso da religião." (Gatestone)

No subúrbio de Fisksätra, em Estocolmo, onde predominam os imigrantes, a Igreja da Suécia começou a arrecadar fundos com o objetivo de construir uma mesquita."

Itália: católicos devem rezar em silêncio para não incomodar os refugiados muçulmanos
Os católicos da igreja de Santo Antônio, em Ventimiglia, ficaram surpresos quando funcionários da Cáritas disseram que eles não poderia rezar o terço, apenas rezar em silêncio, por uma questão de respeito aos refugiados que estão alojados na igreja. Um grupo de católicos pediu ao padre para que os refugiados fossem levados para uma outra igreja. A resposta do padre foi conduzir este grupo para uma outra igreja. (Breitbart)

Alemanha: igreja celebra jihadista em "enterro multi-religioso"
Uma igreja cristã na Alemanha realizou uma cerimônia de funeral pela morte de um imigrante adolescente que foi morto lutando pelo ISIS depois de se tornar um muçulmano e fugir para a Síria. A idéia foi do pastor da igreja protestante de St. Paulii, em Hamburgo. (Mail)

Grã-Bretanha: Aliança Evangélica exorta os cristãos a se aproximar dos muçulmanos
Programa “Visite minha mesquita” ocorre neste final de semana. O “Visite Minha Mesquita” é promovido pelo Conselho Muçulmano da Grã-Bretanha. (Gospel Prime).

Aliança perigosa: ANAJURE faz parceria com grupos islâmicos
Em 30 de outubro de 2015, a ANAJURE (Associação Nacional de Juristas Evangélicos) estabeleceu parceria com FAMBRAS (Federação das Associações Muçulmanas no Brasil) em defesa da liberdade religiosa no Brasil, como se grupos muçulmanos conseguissem contribuir para a promoção da liberdade religiosa. (Julio Severo)

Canadá: alguns bravos protestam contra o islamismo
Isso aconteceu em Toronto. Um punhado de cristãos, alguns ex-muçulmanos, fizeram um protesto próximo ao prédio onde ocorria a convenção Revivando o Espírito Islâmico. Uma palestina ex-muçulmana convertida para o cristianismo, expôs, em árabe com tradução para o inglês, argumentou que o Alcorão é um livro discricionário, satânico, cheio de ódio contra os judeus, e que ensina os muçulmanos a amar a morte e matar os infiéis. Ela citou o "hadice do ódio" que diz que o Dia do Juízo não virá até que os muçulmanos exterminem os judeus. Ela indicou a fonte do problema como sendo o próprio Alcorão, dizendo que quem o ler ou o rejeita ou se torna um terrorista. Ela disse a verdade afirmando que Maomé foi um "mentiroso" e um "falso profeta". Um número de participantes na convenção aproximaram-se dos manifestantes cristãos, os ofendendo, acusando-os de discurso de ódio e desejando a mulher a ser queimada no fogo do inferno antes de deixar o local. A polícia foi chamada a intervir, permitindo que os dois grupos conversassem (fonte). Nunca tenha medo de falar a verdade.

Bispo de Pádua, Itália, se curva para o Islão
"Eu estou pronto para voltar atrás tanto quanto puder em nossas tradições cristãs para termos paz". O bispo concordou a anular a montagem do presépio para ter em troca da paz e a amizade dos islâmicos. Ou seja, ele aceita o seu status de cidadão de terceira-classe e obedece a Sharia, que proíbe a exibição de símbolos religiosos de outras religiões. (fonte)

Igreja luterana na Alemanha critica evangelização de muçulmanos
Documento recebe críticas por afirmar que evangelização `ameaça a paz social´.
O artigo diz "Os luteranos são a maioria na Alemanha e conhecidos pela sua liberalidade teológica. Perto de completar meio milênio, os ideais lançados por Lutero mostram constantes sinais de enfraquecimento no solo onde nasceu." (fonte)

Alemanha: igreja retira altar e cruzes para poder abrigar muçulmanos
O pastor da igreja protestante de Oberhausen não quer ofender os muçulmanos. E para fazê-los sentir bem-vindos ele destrói antecipamente o que é seu. Este pastor é um dhimmi, ele sabe o seu lugar de cidadão de terceira classe segundo a lei islâmica (Express).


2 comentários:

Fernando Lopes de Almeida Soares disse...

*

Meio a islamofóbico
furor posando de vítima
terrorista Islã?

- FLASh

http://www.brasilpost.com.br/2015/12/26/autoridades-dizem-que-inc_n_8879424.html

.

José Atento disse...

Hum ... você chegou a ler algum artigo?

Aparentemente, o incêndio foi auto-induzido.

http://www.thereligionofpeace.com/