quarta-feira, 29 de junho de 2016

Papa Francisco não se intimida frente a ameaças turcas quanto ao Genocídio Armênio


José Atento
Os leitores deste blog sabem que nós somos críticos quanto a postura do Papa Francisco frente ao islamismo. É nossa opinião que ele não denuncia de modo contundente a perseguição que os cristãos são vítimas no mundo de hoje (a maior da história). Apesar dele fazer referência a perseguição, ele perdeu oportunidades de chamar a atenção disso em forums internacionais, por exemplo, o seu discurso nas Nações Unidas e no Congresso dos EUA, sob os holofotes da imprensa internacional.
Contudo, merece elogios deste blog a postura do Papa Francisco com respeito ao Genocídio Armênio, ainda mais pelo fato dele não ter se curvado frente as pressões da Turquia. 
O Papa Francisco terminou uma visita de três dias a Armênia. A Armênia, assim como Grécia e Pérsia, é um daqueles nomes que surgem ao se estudar a Antiguidade. O Reino da Armênia foi o primeiro reino a adotar o cristianismo na história, ano 301, quando o Rei Tiridates se converteu, sob a influência de São Gregório, o Iluminador. Os armênios foram também os primeiros a pegarem em armas para defenderem o seu direito de serem cristãos, menos de 10 anos após adotarem o cristianismo, ao serem atacados pelo Império Romano (naquela época, ainda pagão).

A Armênia, e os armênios, sofreram os efeitos contínuos da jihad islâmica, por parte dos árabes, persas e turcos, sendo contínuamente atacados e ocupados, e, mais recentemente, sofreram o Genocídio Armênio efetuado pelos turcos-otomanos. 

Posição relativa da Armênia Histórica e da atual República da Armênia

Coroação do Rei Tiridates por São Gregório, o Iluminador

Pois bem, o Papa Francisco na sua viagem a Armênia se referiu ao Genocídio Armênio, colocando-o dentro do contexto do genocídio cristão que acontece na atualidade. E ele também fez referência a outros genocídios, o Holocausto, em Ruanda, em Cambodia. Além do mais, é política oficial do Vaticano, como Estado, reconhecer o Genocídio Armênio. De modo que não existe nada novo na declaração do Papa.

O governo turco ficou furioso, e chamou o embaixador da Turquia no Vaticano e pediu explicações ao Núncio Apostólico (como o Vaticano chama seus embaixadores) residente na Turquia. O governo turco, através do seu Primeiro Ministro Nurettin Canikli chegou a usar de uma vocabulário, diria eu, Jihadista (Hurriyet): 
Infelizmente, é possível ver todas as reflexões e os vestígios de uma mentalidade cruzada nas ações do papado e do papa.
A reação do Vaticano foi imediata. O porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, disse (Reuters):
O papa não está em uma cruzada. Ele não está tentando organizar guerras ou construir paredes. Ele quer construir pontes. Ele não disse uma palavra contra o povo turco.
E, o próprio Papa Francisco, repetiu a sua afirmação após o incidente diplomático, mostrando que ele não está disposto a esconder a verdade. 

Muito bem, Papa!

Papa Francisco e Patriarca Karekin II 

O fato é que a Turquia está isolada. A postura islamista do presidente Erdogan, a repressão do seu governo internamente contra jornalistas e opositores, a ajuda ao Estado Islâmico e aos rebeldes jihadistas na Síria que lutam contra o presidente Assad, a derrubada do caça russo, a tentativa de extorção da Europa por conta da crise de refugiados, e os ataques contra civis curdos, tudo isso manchou uma imagem que já não era lá esta coisa. E a indústria do turismo turco está sendo tremendamente afetada pela falta de turistas. 

A coisa está tão mal para a Turquia, que legisladores alemães indiciaram o presidente turco Erdogan por crimes contra a humanidade devido a ação militar contra os curdos (The Local).

E agora, Erdogan se volta a dois inimigos, Israel e Rússia, no caso deste último, chegando a pedir perdão e oferencedo retribuição pelo caça abatido (RT).


O Império da Armênia, século I AC, sob o Imperador Tirgranes, o Grande, 
marcou a expansão máxima da Armênia

Armênia

Um comentário:

Silvio disse...

Excelente blog muito bem construído e muitas informações.
Aceita parceria de links?

http://realidadeblog.com

grande abraço