domingo, 11 de setembro de 2016

Atualizações em agosto de 2016

Veja o que entrou de novo no blog em agosto de 2016

São João Damasceno e a Heresia dos Ismaelitas (muçulmanos): isso deveria ser ensinado nas igrejas!
Leia o artigo todo clicando aqui.

Apostasia

Irã, relatório de 2014 "Apostasia na República Islâmica do Irã"
(Iran Human Rights

Egito: muçulmano que tinha se convertido para o cristianismo não resiste a prisão e retorna ao islamismo
Este é um exemplo de como a apostasia é um crime no islamismo. Mohammed Hegazy adotou o cristianismo em e, em 2007, pediu para alterar a sua carteira de identidade, o primeiro egípcio a pedir isso. Desde então ele sofreu com assédio, prisão, e até mesmo tortura. Ele se mudou com a família para a Alemanha, mas em 2013 foi preso, ao visitar a família no Egito, sendo acusado do crime de "defamação da religião." (Christianity Today) A Declaração Universal dos Direitos Humanos, artigo 18, diz que todos tem o direito de trocar de religião. Mas o islamismo não. Para o islão, direitos humanos são anti-islâmicos.

Paquistão: mãe e filha atacadas por se converterem à facção Ahmadia
Eles pedem proteção à Justiça. (tribune)

A imigração muçulmana aliada ao políticamente correto do Ocidente estão tornando as mulheres ocidentais sem defesa frente ao avanço implacável da Sharia.
Reino Unido: 900 sírios presos por estupro e assédio sexual
Em um período de menos de um ano, a polícia na Inglaterra e no Pais de Gales prendeu 900 sírios por crimes diversos, mas o que mais chamou a atenção é a quantidade de crimes envolvendo estupro e assédio sexual.  É comum ouvir de xeiques, imãs ou mesmo de muçulmanos comuns que as mulheres infíéis são como "carne descoberta." (Express)

Escócia: Imã diz ser aceitável ter escravas sexuais
Imã Ali Hammuda da Mesquita Al-Manar em Cardiff, no Reino Unido diz que é aceitável manter escravas sexuais. Isso está no Alcorão e nas Tradições de Maomé, mas tem gente que tenta esconder isso. Mas, com uma maior presença de clérigos no Ocidente, fica muito difícil esconder isso. Ele explicou um hadice dizendo que no fim dos tempos, existirão muitas guerras, como agora, e os muçulmanos irão ter muitas prisioneiras, e eles podem fazer sexo com elas. É permitido ter relações com uma esposa ou uma escrava. (isso segundo o Alcorão 4:3, 4:24 e 33:50) (Mundo ao Minuto, Express)

Índia: muçulmanos ganham dinheiro para convencer mulheres a se tornarem muçulmanas
Se você é uma dessas brasileiras deslumbradas por um namorado virtual muçulmano indiano, saiba que eles recebem 400 mil rupias por cada católica convertida ao islamismo e 300 mil rupias por cada evangélica convertida. (Indi(a)gestao)

Turquia: Corte Suprema anula lei anti-pedofilia
Ela anulou leis relativas a abuso sexual de menores de 15 anos (Hurriyet) Efeito da islamização imposta por Erdogan?

Rio: o choque entre civilizações mostrado durante jogo de volei de praia
A dupla da Alemanha derrotou a dupla do Egito no volei de praia durante os Jogos Olímpicos. As alemães se vestindo como quem vai à praia enquanto que as egípcias se vestiam como quem tem medo de apanha do marido. A foto ilustra também como o Egito retrocedeu (veja fotos em fotos que falam por sí). O mais triste é ver pessoas comemorando o fato das egípcias serem forçadas a jogaram volei de praia deste jeito. Por que não um maiô? Ou um bermudão? É porque no islamismo o corpo da mulher é considerado aura (órgão sexual) e precisa ser coberto. Todo o corpo! O blog O Reacionário escreveu um artigo interessante sobre isso.

"O progresso social pode ser medido pela posição social das mulheres." -- Karl Marx. 

Indonésia: mulher açoitada em praça pública por namorar
uma ofensa chamada "khalwat" Isso ocorreu na Província de Achem, em frente a mesquita Al Furqon. O namorado também foi açoitado. (Sun)

Suíça: casamentos forçados de meninas menores está aumentado com o aumento da imigração
Os casos atingem imigrantes oriundos do Iraque, Síria, Eritréia, Afganistão e Somália (todos "paraísos islâmicos"). Os 26 casos relatados este ano são um número maior do que todos os casos relatodos no período entre 2005 a 2015.  (Swissinfo)

Arábia Saudita: anúncio da IKEA retira a mulher da fotografia
Ao lado esquerdo como o anúncio é de verdade. Ao lado direito como ele aparece na Arábia Saudita, sem a mãe descoberta.


Itália: mesquitas encorajam a poligamia, no rastro do casamento unisex
Estima-se que 20 mil casamentos polígamos existam no seio da comunidade islâmica na Itália. Eles desejam a poligamia já que o casamento unisex foi recentemente aprovado na Itália. Eles usam do mesmo argumento, dizendo "não existe problema de casamento polígamo se for consensual." Eles também dizem que "poligamia é um direito civil." (Express).

Paquistão: homem matou primeira esposa em um crime de honra, mata a segunda pelo mesmo motivo
O muçulmano desconfiou que a sua esposa, e mãe de seus 3 filhos, o estava traindo. Ele cortou o pescoço dela. Ele havia matado a sua primeira esposa 15 anos atrás. (Tribune)

Paquistão: pai mata suas duas filhas por terem se casado com homens que elas escolheram
Kosar (22 anos) and Gulzar Bibi (28 anos) foram mortas em crimes de honra por terem se casado com os homens que eles escolheram, por amor. O pai queria que elas se casassem com primos. (Business Standard)

Paquistão: Muhammad mata ex-esposa em crime de honra
Muhammad, ex-marido de Shahid, uma mulher paquistanesa residente na Inglaterra e morta no Paquistão no mês passado, confessou que ele a estrangulou Ela estava visitando familiares no Paquistão. A polícia não fez ocorrência contra Muhammad pois a família da vítima não se manifestou. A mulher havia se casado novamente contra a vontade da família. (Tribune)

Alemanha: pedófilos imitam Maomé
Criança de 4 anos de idade, refugiadas, estuprada por um afegão em um centro de asilados (Independent)

Alemanha: clérigos muçulmanos casam menores, e autoridades ficam apenas olhando
Meninas de 9 anos forçadas a se casarem (Express). A mesma idade que Aisha tinha quando Maomé a consumiu sexualmente.

Suécia: uma relação de ataques sexuais prepetrados por "extrangeiros" 
Os extrangeiros são, na sua maioria, oriundos do Afeganistão, Eritréia e Somália, enquadrados como "refugiados menores de idade desacompanhados." Na verdade muitos desses "refugiados" são maiores de idade mas que, sem documentos, alegam terem menos de 18 anos. Muitos destes ataques foram acobertados pelo governo e pela imprensa (Gatestone):
  1. mulheres e meninas foram atacadas durante o festival de música "Nós Somos Estocolmo", em 2014 e 2015.
  2. organizadores do festival de música de Trästocksfestivalen em Skellefteå ofereceram ônibus gratuitos para os "refugiados menores de idade desacompanhados" para irem ao festival." Ao término do festival, a polícia registrou doze casos de ataques sexuais. 
  3. muitos dos perpetradores que abusaram sexualmente das mulheres no festival de música "Putte i parken" em Karlstad usavam a pulseira "Não apalpe". O mesmo aconteceu no festival de Bråvalla. Esta pulseira foi distribuida pelas autoridades para "proteger as mulheres."
  4. Diversos casos de assédio na passagem do Ano Novo, no qual refugiados fizeram ataques em grupo no estilo taharrush gamea.
  5. 123 incidentes de assédio de meninas suécas entre 15 e 16 anos em piscinas públicas.

Esquerda: mulher sendo assediada sexualmente por grupo de "refugiados"; Direita: mulheres se consolam enquanto um assediador é preso pela polícia

Índia: mulher divorciada pelo telefone e sem a posse dos 4 filhos
O homem, muçulmano, tem outras esposas e conseguiu o divórcio em Dubai, onde trabalha. Ele telefonou para ela e disse pelo telefone (3 vezes): eu me divorcio (talaq). Ele está com os quatro filhos e os ameaça se a esposa tentar fazer algo. Ela entrou na justiça da Índia alegando que a Sharia contraria vários artigos da Constituição indiana. (Indian Express)

Arábia Saudita: ONG para promover a poligamia
Segundo o seu fundador e clérigo saudita, Dr. Attalah Alabar, a missão da ONG Multiplicity (Multiplicidade) é a de "encorajar as mulheres a aceitarem a poligamia, para satisfazer os seus maridos, e reduzir a oposição contra o homem ter múltiplas mulheres. Ele disse que "quem quer que se oponha a poligamia desafia a lei Sharia." (Breitbart)


Canadense promete fidelidade ao Estado Islâmico em vídeo
A Polícia Montada canadense liberou o vídeo no qual o jihadista canadense Aaron Driver promete um banho de sangue e diz que o Canadá irá sofrer mesmo tendo deixado a coalizão de países que estão lutando contra o ISIS. Ele foi morto quando a polícia invadiu a sua casa tendo encontrado explosivos. Ele estava em estágio avançado para matar e morrer pela causa de Alá. (Reuters, National Post)

Mulheres brasileiras doutrinadas a serem "escravas de Alá" pregando o islamismo nas ruas do Rio 
Um leitor disse algo verdadeiro: "Mulheres pregando o islamismo seria o mesmo que judeus pregando o nazismo." Pois é. O islamismo tem esta capacidade de lavar o cérebro das pessoas.


Fotos que falam por sí

Irã e o esporte feminino, ontem e hoje
Dentro do espírito dos jogos olímpicos ...



O profeta (a paz esteja com ele) disse: "Se encontrardes alguém fazendo como o povo de Lot fez, matai aquele que faz e aquele a quem a coisa é feita." (Hadice Abu Dawood 38:4447) -- PS. O "povo de Lot" são os homens que aparecem na Bíblia querendo fazer sexo com os homens que se hospedaram na casa de Lot (Gênese 19:4-5)
Turquia: gay estuprado por grupo, degolado e mutilado
Muhammad Wisam Sankary, um gay sírio, um refugiado de verdade, fugindo da mão-de-ferro do islão. Assassinado na Turquia muçulmana tentando fugir do islão. (Speisa)

Suécia: mesquita convida xeique que quer matar os gays
Farrokh Sekaleshfar ficou famoso pelo seu discurso na mesquita do jihadista que matou 49 gays na boate em Orlando na Flórida. O cara é uma sumidade entre os muçulmanos (FriaTider).

Halal - Boicote Halal 

Leia este artigo "Boicote Produtos Halal" para saber o que é "comida halal" e o porquê de boicotá-la. E visite os demais links.

Reportagem mostra como a Certificação Halal, e apoio estrangeiro, alimentam a islamização do Brasil
A reportagem da Gazeta do Povo mostra claramente os fatos como eles ocorrem. Leia o artigo e assista ao vídeo.

Leia sobre a conexão entre a Zakat (dízimo islâmico), Certificação Halal, e o financiamento da Jihad
Artigo neste link.

Carne oriunda do abate halal faz mal para a saúde
Artigo neste link.

França: supermercado halal é obrigado a vender porco e bebida alcólica
Supermercado Good Price, em Colombe, subúrbio de Paris, tem licença para "vender comida em geral", mas ele só vende halal. A Prefeitura ameaça cortar licença se ela não for cumprida, e uma variedade de produtos, incluindo derivados do porco e bebida alcólica não forem vendidos.  (Telegraph)

EUA: americanos comem carne halal sem saber (e nós no Brasil também)
Uma petição organizada pela ativista Pamela Geller para que o órgão regulamentador da alimentação do ministério da agricultura dos EUA (FSIS) passe a identificar a carne halal (abatida no rito islâmico e sem o atordoamento do animal), foi feita em 2011. Esta petição era acessível no site do FSIS. Porém, ela foi retirada do site. De modo que o FSIS simplesmente ignorou o pedido (WND). O interessante é que a carne consumida pelos judeus (kosher) tem identificação, compra quem quiser. Por que não o mesmo para a carne halal?  Mas a carne halal não tem identificação. Isso é retirar do consumidor o seu poder de escolha. Além disso, é também um desrespeito para outras religiões, por exemplo, os cristãos que desejarem seguir o estipulado no Ato dos Apóstolos estão sendo enganados.
Quanto aos gentios convertidos, já lhes escrevemos a nossa decisão de que eles devem abster-se de comida sacrificada aos ídolos, do sangue, da carne de animais estrangulados e da imoralidade sexual". (Atos, 21:25)
Ao contrário, devemos escrever a eles, dizendo-lhes que se abstenham de comida contaminada pelos ídolos, da imoralidade sexual, da carne de animais estrangulados e do sangue. (Atos 12:20)

História (Arte e Jahiliyya)

O Islã causou a "Idade das Trevas"
Um artigo que discute o mal que a expansão do islão causou sobre a Civilização Clássica.

Estado Islâmico descobre artefatos assírios milenares e os destrói
Quando o grupo Estado Islâmico capturou Tal Ajaja, um dos mais importantes sítios arquelógicos da era assíria, eles descobriram estátuas e tabuletas cuneiformes milenares anteriormente desconhecidas. Eles, então, as destruíram. (Art Daily)


Reportagem mostra como a Certificação Halal, e apoio estrangeiro, alimentam a islamização do Brasil
A reportagem da Gazeta do Povo mostra claramente os fatos como eles ocorrem. Leia o artigo e assista ao vídeo.

Francirosy Barbosa: Todos os muçulmanos são jihadistas 
Professora da USP, muçulmana, e antisionista.

Xeique Jihad se faz de vítima ... mas omite a perseguição contra 'não muçulmanos' no mundo islâmico
Taqiyya em ação no Brasil. Leia neste link.

Padre Bizon e Rabino Mayer participam de vídeo promocional do islão no Brasil
Não precisamos de inimigos tendo religiosos como esses.

Representantes do Islão no Brasil reclamam do governo
Segundo o xeique Abdel Hamid Ali Taha, vice presidente da União Nacional das Entidades Islâmicas (UNI), eles se sentem "discriminados." Dizem que uma muçulmana foi agredida em Copacabana (O Globo). Será? Nos EUA e na Europa muçulmanos inventam "crimes de ódio" para se proclamarem perseguidos. Na maior parte dos casos o "crime de ódio" é invenção. Eles foram reclamar com o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes. A rigor, o governo federal deveria investigar qual a ligação que existe entre os clérigos brasileiros e o wahabismo/salafismo internacional.

Boxeador marroquino acusado de estupro de camareiras é preso na Vila Olímpica
O boxeador marroquino Hassan Saada foi preso na manhã de hoje, acusado do estupro de duas camareiras brasileiras que trabalham na Vila Olímpica da Rio-2016, na quarta-feira. Ele foi detido por policiais da 42ª DP (Recreio), dentro da Vila. (O Globo)

Justiça nega habeas corpus para boxeador marroquino
O boxeador marroquino não sabe que no Brasil, um país infiél, o testemunho de uma mulher tem peso, ainda mais de duas! Aqui não tem Sharia. Se tivesse, as camareiras é que estariam presas. (O Globo)

Estado Islâmico ameaça jihad no Brasil
Os jogos Olímpicos estão em andamento, mas o interesse deles no Brasil é de longo alcance (Inside Blog on Terrorism)


Antonio ''Ahmed'' Andrade, o fundador do Blog "Por que deixei o cristianismo." 
Agora nós sabemos o motivo. 

Pregação islâmica nas ruas do Rio durante os Jogos Olímpicos
Usando as mulheres como isca, igualando Jesus a Maomé, e publicando notícia até mesmo no jornalzinho do Metrô (O Globo, Metro1, AgênciaBrasil).

Sessão Solene sobre o perseguição aos cristãos e minorias no Oriente Médio
Um relato sobre a sessão solene na Câmara Municipal de São Paulo sobre o perseguição aos cristãos e minorias no Oriente Médio (Câmara)

Neymar e sua faixa na testa: "100% Jesus"
Inacreditável ter existido polêmica com respeito a isso. Pior ainda, tendo gente dizendo que o hijab usado por algumas atletas muçulmanas é uma representação cultural. Isso é o relativismo cultural sendo aplicado no Brasil. O hijab não é um símbolo cultural. Se fosse, todas as mulheres no Egito o usariam o que não é o caso. Apenas uma pequena parcela minoritária de muçulmanas egípcias usa o hijab e por motivos RELIGIOSOS!!!! As iranianas quando saem do Irã, a primeira coisa que fazem é guardar o chador (elas sabem que ao voltarem elas são OBRIGADAS PELO GOVERNO a o usarem).




França sofre com as consequências da política de aproximação ao mundo árabe iniciada com Charles de Gaule nos anos 70
O Presidente Charles de Gaulle criou a "política árabe da França", um sistema de alianças com algumas das piores ditaduras árabes-muçulmanas do mundo, na crença de que a França iria recuperar seu poder graças a este sistema (Gatestone).

França: secularismo abre as portas para o islão
Exemplos: (a) governo impõe "Carta de secularismo" em todas as escolas banindo o cristianismo do sistema educacional; (b) após ataques terroristas, governo respondeu ao fundamentalismo islâmico com um ridículo "Dia do Secularismo" a ser comemorado todo dia 9 de dezembro; (c) Esse secularismo tacanho também impediu a França de apoiar abertamente os cristãos orientais oprimidos pelos islamistas.  (Gastestone)

França: governo esconde que vítimas da jihad no Bataclan foram torturadas antes de serem mortas
Vocês se lembram da jihad islâmica no clube Bataclan, em Paris, quando 89 pessoas foram mortas pela causa da Alá? Pois bem, o governo francês escondeu um fato importante que acabou sendo revelado nos relatórios do ataque. Dezena de vítimas foram torturadas antes de serem mortas. As torturas incluiram castração dos homens e arrancar os olhos de outras vítimas. E a sessão de torutra foi gravada pelos jihadistas. (Mail)

França: parque aquático quer promover "Dia do Burquíni"
O parque aquático Speed Water Park, perto de Marselha (25% muçulmana), quer programou um dia no qual apenas mulheres vestidas com o burquíni (peça de banho que cobre o corpo todo, até mesmo a cabeça) poderão entrar. As reclamações são tamanhas que o conselho municipal está tentando convencer os donos do parque a cancelarem o evento (Valleursactuallite)

França: Riviera Francesa proíbe o "burquíni"
Cannes and Villeneuve-Loubet, na Riviera Francesa, proibiram o uso do burquíni, um maiô ridículo que as "muçulmanas liberais" usam para ir a praia.

França: Córsega proibe o burquíni após muçulmano atacar banhistas em topless
A população se rebelou após o incidente, seguido de arruaça promovida pelos muçulmanos. O prefeito tenta acalmar os ânimos (BBC)

França: corte suprema revoga banimento do burquíni
O Conselho de Estado, a corte suprema da França, revogou o banimento do burqíni. Grupo de direitos humanos ligados a organizações islâmicas contestaram que o banimento fere a liberdade das pessoas de decidirem como se vestirem nas praias. O governo francês vê o burquíni como algo que vai contra a laicidade da França (Fox).

Itália: ministro diz que banir burquíni irá provocar atentados terroristas
Alguém, por favor, avise ao Ministro do Interior Angelino Alfano que o islão é a religião da paz. Quem ele pensa que é, um islamófobo? (Politico)

França: Charlie Hebdo satiriza muçulmanos indo a praia
A Revista Charlie Hebdo fez uma sátira sobre a polêmica do burquíni (veja imagem abaixo). e, claro, recebeu ameaças de bomba de adeptos da religião da paz. (Express)


Canadá: Polícia Montada adota o hijab como peça de uniforme
Esta iniciativa faz parte da linha de governo do primeiro-ministro Justin Trudeau que deseja tornar a força policial "inclusiva." É importante ressaltar que a adoção do hijab como uniforme se deu sem que existisse qualquer demanda para que o uniforme fosse alterado. Isto significa que o próprio governo canadense está inserindo a Sharia sobre a sociedade em doses homeopáticas. (RT)

Escócia: polícia introduz o hijab como parte do seu uniforme
A Sharia entra lentamente, um passo após outro, até tomar conta de tudo (tvi24)

França: exército francês protege o Santuário de Lourdes contra ataques jihadistas
O exército francês sendo obrigado a proteger um santuário cristão dentro do seu próprio país. 
Esta imagem traduz bem o resultado da islamização de um país. Nada será o mesmo na França. (Express)

Soldados franceses guardam o Santuário de Lourdes

Itália: milionários do Lago Como reclamam dos imigrantes
Dentre eles está o ator estadunidense George Clooney, que diz para os outros aceitarem imigrantes, mas agora reclama quando eles se instalam no seu quintal (Mail).

Grã-Bretanha: piscina pública promove segregação entre sexos
Na cidade de Luton. Organização a cargo de grupo chamado "O Fiel Forte" e as aulas de natação segregadas se chamam Natação Allamdulliah (obrigado Alá). (Daily Mail).

Grã-Bretanha: xeique Anjam Choudary condenado a 10 anos de prisão. Sua esposa também está na mira.
Ele é o maior incitador de jihadistas no Reino Unido, e foi condenado a 10 anos por associação com o Estado Islâmico. Que este xeique tenha demorado mais de 10 anos para ser preso diz muito do estágio que a Europa se encontra (Expresso). E a sua esposa também está sob investigação (Daily Mail). Isso é crime em família.

Grã-Bretanha: prefeito (islâmico) de Londres cria força tarefa para prender aqueles que "ofendem" a fé islâmica
E usando o dinheiro do contribuinte a um custo de 1.7 milhões de libras (Breitbart). Pois é, a professora Francirosy está correta: todo muçulmano é um jihadista.

Alemanha: governo manda população estocar alimentos e água
O estoque deve ser suficiente para no mínimo dez dias, pois caso o país viva um conflito armado ou seja alvo de atentado terrorista, os cidadãos poderão se manter sem a necessidade de ajuda estatal. Fontes do governo disseram que isso não tem ligação alguma com os recentes atentados islâmicos vividos no país. (Frankfurter Allgemeine)

Alemanha: briga generalizada em centro de refugiados
Isso ocorreu no centro de registro na Huckarder Strasse, em Dortmund. A briga envolveu refugiados, homens e mulheres, entre 14 e 37 anos de idade (Youtube)

Alemanha: Crise de Estupro está Fora de Controle
A supressão de dados sobre estupros cometidos por migrantes é um "fenômeno que ocorre em toda a Alemanha." (Gatestone)

Suécia: governo dá 5 mil euros para "refugiados" deixarem o país
De um total de 160 mil requerentes de asilo ano passado, apenas 500 buscaram emprego. Frente a este fracasso, o governo sueco está oferencendo 5 mil euros para que os "refujihadistas" deixem o país. Uns 5 mil deles aceitaram a oferta. O restante permanece sendo custeados pelo governo  (Independent).

EUA: ex-presidente dos EUA, Bill Clinton, recebeu 5.6 milhões de dólares da maior firma de educação da lei Sharia
Ele recebeu esta quantida da empresa GEMS, baseada no Dubai, e que opera mais de 100 escolas no Oriente Médio, Ásia e África. Bill Clinton foi diretor honorário da GEMS de 2011 a 2014.  (Daily Caller)

EUA: Arábia Saudita financiou 20% da campanha de Hillary Clinton
Ligações entre a Arábia Saudita e a família Clinton, inclusive com a campanha de Hillary, são bem documentadas. Em 2008, foi revelado que o reino do Golfo havia doado entre 10 a 25 milhões de dólares para a Fundação Clinton, uma instituição de caridade criada pelo marido de Hillary, o ex-presidente norte-americano Bill Clinton. (Speisa)

EUA: Futura Chefe de Gabinete dos EUA foi editora de jornal islamista radical
Muito tem se falado sobre Huma Abedin, a assessora e confidente de Hilary Clinton por 10 anos, incluindo o períodio no qual Hilary foi Secretária de Estado do governo Obama. Mas agora se descobriu que ela foi editora de um jornal islâmico radical (redundância) que era contra os direitos das mulheres como definidos pela Declaração Universal dos Direitos Humanos, e a favor da Sharia. Se Hilary Clinton for eleita, Huma Abedin será Chefe de Gabinete, que é quem toma conta da Casa Branca e da agenda do presidente. (NYPost). A sociedade ocidental está muito porosa, pois os islâmicos se infiltram em todos os lugares.

Canadá: importante imã diz que a humanidade é o problema; o islão é a solução
Iqbal al-Nadvi é o chefe do Conselho de Imãs do Canadá. Ele disse que os muçulmanos vem para o Canadá para propagar o islão. "O Alcorão diz: vocês são as melhores pessoas trazidas por Alá." (cijnews)

Italianos se rebelam contra a construção de uma mesquita ao lado da Torre de Pizza
Um abaixo-assinado levou a prefeitura a convocar um plebiscito para decidir sobre a construção desta mesquita. (Express)

Quirguistão: presidente teme a "arabização" do país
Almazbek Atambayev, presidente do Quirguistão, disse que o uso de roupas muçulmanas, tais como o hijab, o niqab e a burca, conduz a radicalização e ao terrorismo. Ele chegou a dizer que mulheres que usam mini-saia não se vestem com bombas para explodir os outros. O Quirguistão é um país de maioria muçulmana (mas sem denominação), mas tem um legado socialista por ter sido uma das repúblicas da União Soviética. O traje tradicional é o "elchek" usado apenas em celebrações culturais. O presidente Atambayev luta contra a "arabização" do país, e contra a crescente influência do salafismo/wahabismo.
Cartaz do governo diz: "Pobres pessoas. Para onde eles estão indo?"



Declarações do Papa no seu retorno da Polônia
Eu estou intrigado com o Papa Francisco, que continua oferecendo folhas de oliveira para o Islão. Ele fez isso, novamente, durante entrevista no avião retornando da Polônia, onde ele se reuniu com 2,5 milhões de jovens católicos durante o Encontro Mundial da Juventude. Neste evento, o Papa também disse que não irá estar presente no próximo Encontro Mundial da Juventude daqui a dois anos, no Panamá. O Papa anteriormente havia dito que sua vida seria encurtada. Será que ele sabe algo que nós não sabemos? Os leitores do blog e desta página sabem que eu tenho sido crítico da postura do Papa quanto ao islão, mas o Papa vem, ao longo do seu pontificado, oferecendo folhas de oliveira, tentando construir pontes e derrubar muros, apenas para ver os seus esforços (ingênuos, do meu modo de ver) recusados por parte dos islâmicos. Qual a lição que podemos aprender quando o líder da maior religião do mundo* (o cristianismo) tem seus esforços de paz sistemáticamente rejeitados pelo islamismo?
* Desculpe se algum protestante não gostar desta afirmação, mas o fato é que o único lider do cristianismo cuja voz tem alcance mundial é o Papa. Eu espero que vocês compreendam o contexto deste texto.
"A ideia de conquista é inerente à alma do Islã, é verdade" 
(Papa Francisco, em entrevista ao jornal francês "La Croix")

Estado Islâmico responde ao Papa: nossa religião é da guerra e nós te odiamos 
“Esta é uma guerra divinamente garantida entre a nação muçulmana e as nações dos infiéis.” (Aletéia

Padre Bizon e Rabino Mayer participam de vídeo promocional do islão no Brasil
Não precisamos de inimigos tendo religiosos como esses.

Austrália: grupo invade igreja anglicana de pastor pró-islã e simula oração
O grupo protestava contra o pastor traidor e contra a islamização da Austrália (Gospel Prime)

EUA: protestantes coletam dinheiro para financiar a construção de uma mesquita
Eles fazem parte da Primeira Igreja Congregacional, em Winona, Minesota (News8000).

Jihad – lista de atentados

Leia sobre a conexão entre a Zakat (dízimo islâmico), Certificação Halal, e o financiamento da Jihad
Artigo neste link.

Grã-Bretanha: somáli esfaqueia e mata em Londres
A polícia diz que o muçulmano tinha problemas mentais. Nós concordamos. (Daily Mail)

Bélgica: argelino gritando "Allahu Akbar" fere duas políciais com um facão
Isso aconteceu na cidade de Charleroi. (Speisa) Ele é um imigrante ilegal que as autoridades tentaram deportar duas vezes (Express).

Paquistão: jihadistas atacam hospital, 93 mortos, dezenas de feridos
Um homem-bomba jihadista. A "Religião da Paz" ensina que morrer matando infiéis é o modo mais seguro para entrar no paraíso (Business Standard).

República Centro-Africana: jihadistas matam 64 na base do facão
A  chacina foi perpetrada pelo grupo islâmico Forças Democráticas Aliadas, baseado em Uganda. (Daily Mail)

Turquia: 51 mortos (22 crianças) e dezenas de feridos
Homem-bomba se explodiu perto de casamento, em Gaziantep, perto da fronteira com a Síria (SIC Notícias, Mail)

Os ataques do Estado Islâmico em números
Um estudo da Universidade de Maryland calcula 33 mil pessoas mortas, 41 mil feridos e 11.000 sequestrados.

Austrália: turista francês, gritando Allahu Akbar, assassinou a punhaladas uma jovem britânica
em um hostel, em Queensland. Mia Ayliffe-Chung, de 21 anos, não resistiu e morreu. Ele também apunhalou outros hóspedes do hostel, um em estado crítico, e matou um cachorro. Ele tinha 29 anos. (DN)

Afeganistão: jihadistas matam 16 dentro de universidade em Cabul
Dez horas de pânico na Universidade Americana de Cabul (France 24).


EUA: imã assassinado em disputa de cartel; muçulmanos se fazem de vítima
Um imã foi assassinado por um "hispânico" em um crime que a polícia está descrevendo como guerra entre gangues. Mas os muçulmanos gritam e se fazem de vítima (CarbnotedTV).



França: 20 mesquitas são fechadas por incitar ódio (serem islâmicas)
O governo disse que mais serão fechadas pois não se pode tolerar aqueles que incitam ódio dos púlpitos. Outras 120 estão na mira por serem dominadas por salafistas (France24)

"Mesquitas são o cancro do Islã e devem ser fechadas"
Essa foi a reinvidicação do deputado italiano na União Européia Magdi Allam. Magdi Allam é um jornalista, nascido egípcio e com cidadania italiana, muçulmano convertido ao cristianismo. "Se os governos muçulmanos advertem que as mesquitas são" antros de terrorismo ", não podemos tolerar mais concessão cega aos militantes islâmicos. É tempo do nosso governo parar de perseguir a quimera de patrocinar mesquitas de um" Islã moderado. A verdade é que há apenas um Islã porque há apenas um Corão e um Maomé." Magdi Allam rejeitou as alegações de que deportar terroristas reduziria o terror, pois as mesquitas produzem substituições para cada terrorista deportado: "As mesquitas são tocas terroristas" e a raiz do problema. Ele se referiu a mesquitas como a "fábrica de horror que começa a partir do ódio pregado em mesquitas e locais onde a guerra santa islâmica é promovida, a prática de lavagem cerebral que transforma os fiéis em robôs da morte, leva a alistamento e treinamento para um ataque de terror." (Express)

"Lute contra aqueles que não acreditam em Alá ou no Último Dia, que não proíbem o que foi proibido por Alá e Seu Mensageiro, e  que não reconhecem a Religião da Verdade (islão), mesmo que sejam do Povo do Livro (cristãos e judeus), até que paguem o imposto tributo jizyah em submissão, sentindo-se subjugados e humilhados. "[Outra tradução diz:] "paguem o imposto em reconhecimento da nossa superioridade e do seu estado de sujeição". (Alcorão 9:29)
Lista de eventos ocorridos no mês de abril "Cristãos inúteis, tratados como animais"
Compilados por Raymond Ibrahim (Gatestone Institute).

A Tradição Turca de Assassinar Cristãos (lista de eventos)
Na Turquia são as "pessoas comuns" que matam ou atacam cristãos, depois o judiciário ou o sistema político, de alguma forma, encontra uma maneira de permitir que os criminosos se safem sem que sejam responsabilizados pelos seus atos. A maioria desses crimes não aparece na mídia internacional e a Turquia nunca é responsabilizada. (Gatestone Institute)

Iraque: bispo diz "cristãos sentem que ninguém se interessa por eles"
A verdade é que eles estão esquecidos sim. Warduni, ex-bispo caldeu de Bagdá, relata que os cristãos perderam tudo, foram expulsos, e não tem futuro. Eles continuam sem ajuda dos governos do Ocidente, sem acesso a visto, e até mesmo passando fome. (Christianity Today)

Síria: cristãos em Alepo sob sítio dos rebeldes apoiados pelos EUA
Os cristãos que se encontram nas áreas ocupadas pelos rebeldes (apoiados pelo EUA de Obama) além de estarem sob os horrores da guerra civil, ainda são perseguidos por serem cristãos. O Padre Ibrahim Alsabbagh disse que sob as áreas ocupadas pelo governo sírio, os cristãos, pelo menos, têm liberdade de culto (Militant Church).

Bélgica: padre esfaqueado por refugiado após ajudá-lo
No domingo, um homem bateu na porta do Padre Jos Vanderlee, de 65 anos, pedindo asilo. O padre o recebeu e ele pediu para tomar um banho. Ao sair, ele pediu dinheiro e esfaqueou o padre. (Militant Church)

Egito: bispo copta diz que cristãos são atacados a cada dois dias
Em entrevista reveladora, o Bispo Makarious, de al-Minya, diz que ele teme que elementos do governo podem retaliar se os cristãos reclamarem abertamente. O Bispo reclama da imprensa que procura caracterizar com conflitos, o que sugere dois lados em disputa, quando na verdade um lado (muçulmanos) ataca o outro (cristãos). Sobre isso, ele diz "Dentro de minutos [do início de um dos ataques], 100 muçulmanos apareceram instantaneamente, totalmente armados, como se estivessem prontos para a guerra." O Bispo também disse que os agressores muçulmanos nunca são punidos. A polícia apenas aparece depois que o estrago tenha sido feito, nunca à tempo de evitá-lo. Mesmo quando presos, os agressores muçulmanos acabam sendo soltos em seguida. Esta impunidade incentiva novos ataques (Raymond Ibrahim).

Nigéria: novo líder do Boko Haram promete perseguir cristãos e poupar os muçulmanos
Ele promete continuar atacando as igrejas, mas irá parar de atacar mesquitas (Yahoo).

Holanda: adolescen grita em parque "Ó, Alá, extermine os cristãos"
Vídeo gravado, na cidade de Verviers, mostra o menino rezando "Ó Alá, erradique os terríveis cristãos. Ó Alá, mate-os todos. Não deixe que um único deles sobreviva." Isso não é nada demais, apenas o que está contido no Alcorão e é recitado nas mesquitas e madrassas. (Friatider). Vídeo no MEMRI TV: http://www.memritv.org/clip/en/5604.htm

Paquistão: cristã surdo-muda forçada a se converter, escapa cativeiro e agora vive sob ameaças
Asma Masih foi seqüestrada cerca de cinco meses atrás, e forçada a converter por seu sequestrador depois de ser obrigada a se casar com ele. Os pais dela alegam que ela foi levada por seu vizinho Ghulam Hussain, que goza de um status influente na localidade. Ela conseguiu fugir, e agora, está sendo ameaçada de morte. (Christians in Pakistan)

Estado Islâmico: jihadista ex-cristão ameaça: todos os cristãos devem morrer
Um jihadista original da Trindade e Tobago deu uma entrevista para a Revista Dabiq, do Estado Islâmico. A sua resposta à pergunta "que mensagem você gostaria de dirigir aos cristãos?" ele disse: "Para os cristãos que eu digo, você sabe que você se desviou dos verdadeiros ensinamentos de Abraão, Moisés e Jesus. Seu livro foi corrompido há muito tempo por seus líderes. Siga o mensageiro final, Maomé, pois fazendo assim você vai estar seguindo todos os profetas. Se você se recusar, em seguida, oferecemos-lhe a opção de pagar jizya e viver sob a autoridade do Islã na humilhação. Se você se recusar, então a única coisa entre você e nós é a espada. (Daily Express)

França: exército francês protege o Santuário de Lourdes contra ataques jihadistas
O exército francês sendo obrigado a protegem um santuário cristão dentro do seu próprio país.
Esta imagem traduz bem o resultado da islamização de um país. Nada será o mesmo na França. (Express)


França: muçulmanos vandalizam igreja e deixam foto do assassino de Nice no altar
Na Igreja de St. George em Vivonne, em 27 ou 28 de julho, durante a missa para a alma do padre Hamel (degolado por jihadistas), o pároco disse aos fiéis presentes que o Sacrário tinha sido roubado e no seu lugar fora colocado uma foto do terrorista Nice, o islamita Mohamed Lahouaiej Bouhlel. Os vândalos foram presos e serão examinados por uma junta médica para diagnostica "problemas mentais." (Christianophobie)

Sudão: líderes cristãos em fase de julgamento
Veja o caso de Hassam e Kuwa, dois líderes cristãos. O crime deles é denunciar a perseguição que o governo (repito, o GOVERNO) sudanês promove contra os cristãos ... seguindo a Sharia. (EVM)

"Lute contra aqueles que não acreditam em Alá ou no Último Dia, que não proíbem o que foi proibido por Alá e Seu Mensageiro, e  que não reconhecem a Religião da Verdade (islão), mesmo que sejam do Povo do Livro (cristãos e judeus), até que paguem o imposto tributo jizyah em submissão, sentindo-se subjugados e humilhados. "[Outra tradução diz:] "paguem o imposto em reconhecimento da nossa superioridade e do seu estado de sujeição". (Alcorão 9:29)
Rio, Olimpíadas: delegação do Líbano se recusa a compartilhar ônibus com a delegação israelense
A Olimpíada não era para Celebrar as Diferenças? Exceto no que se toca aos israelenses. (UOL, BBC)

Rio, Olimpíadas: judoca egípcio se recusa a cumprimentar israelense
O judoca egípcio recebeu a vai da sua vida por parte do público carioca (O Globo).

Rio, Olimpíadas: judoca saudita abandona as olimpíadas para não lutar contra israelense
A mídia social em árabe a festeja como herói (Palinfo)

Rio, Olimpíadas: COI homenageia isrealenses mortos por jihadistas nas Olimpíadas de 1972
Isso foi feito pela primeira vez, e no Rio de Janeiro. Emocionante. (O Globo)

Israel: sinagoga de 1500 anos é descoberta
Trabalho arquelógico a descobriu. Presença judáica mesmo após a destruição do Segundo Templo e a expulsão dos judeus pelos Romanos. (Ynetnews)

Vários países se usam de muros para se proteger
Muito é falado sobre o muro que Israel e os EUA construíram, porém, se omite que existe outros muros, faz tempo. Este artigo trata disso. (Mídia sem Máscara)

Mas quando os meses sagrados tiverem transcorrido, mate os idólatras onde quer que você os encontre, e capturai-os, e cerque-os, e arme ciladas para eles usando de todos os estratagemas (da guerra); mas caso eles se arrependam, observem a oração e paguem o zakat [ou seja, se tornem muçulmanos], abra o caminho para eles. Sabei que Alá é Indulgente, Misericordiosíssimo. (Alcorão 9:5)
Jihadistas dizem "nós matavamos todos que eram infiéis. É a nossa religião." 
Os jihadistas, presos, disseram isso durante entrevista. Mas, de onde eles tiraram esta idéia? Do Alcorão 9:5. (Muslim Issue)


Punições Islâmicas (sob a lei islâmica)

Irã enforca 20 sunitas em um único dia
Pena de morte bate record no país. Qual é mesmo a diferença entre o Irã e o Estado Islâmico? (RFi Brasil)


Fatwa contra Pokemon na Arábia Saudita e na Índia
Clérigos consideram o jogo anti-islâmico. (Reuters, Times of India)

França: muçulmanos atacam banhistas que estavam de topeless na ilha de Córsiga
De início, a pensava-se que os muçulmanos não gostaram que banhistas tirassem fotos deles e de suas mulheres que vestiam burquínis (na verdade, elas vestiam hijab) (Telegraph). Mas o relatório do promotor revelou o que aconteceu de verdade. Eles queriam ter a praia só para eles e atacaram banhistas em topless, causando uma reação dos homens. A confusão se deteriorou até a chegada da polícia. Mais tarde, muçulmanos queimaram carros e quatro pessoas foram hospitalizadas, uma delas ferida por um arpão. (Clarion)

Jordânia: cartunista preso por desenho anti ISIS
Nahed Hattar fez um desenho mostrando um jihadista conversando com Alá no paraíso ao lado de duas mulheres. Mostrou Alá? Foi preso. (Clarion)






Nenhum comentário: