sexta-feira, 2 de novembro de 2018

Egito: Jihadistas matam 7, ferem 14 em ônibus com destino a mosteiro cristão copta (gráfico)

Homens armados mataram pelo menos sete pessoas e feriram outros 14 em um ataque a um ônibus que seguia em direção a um mosteiro copta cristão no Egito na sexta-feira (2 de novembro), disse o arcebispo em Minya.


O Estado Islâmico assumiu a responsabilidade pelo ataque a pessoas que viajavam para o mosteiro de São Samuel, o Confessor, em Minya, a 260 quilômetros ao sul do Cairo.

O ataque ocorreu quase no local exato onde 28 cristãos foram mortos por militantes islâmicos em 2017.

A minoria cristã copta do Egito, que representa cerca de 10% da população, tem sido alvo freqüente de ataques e perseguições desde a revolta que derrubou o ex-presidente Hosni Mubarak em 2011.

O Egito diz que combater militantes islâmicos é uma prioridade para restaurar a segurança após os anos de turbulência que se seguiram aos protestos da "Primavera Árabe".

Algumas fotos de alguns destes últimos inocentes mortos pela jihad islâmica. Aviso: gráfico.








https://pt.euronews.com/2018/11/02/ataque-contra-autocarro-de-cristaos-coptas-faz-7-mortos

https://www.channelnewsasia.com/news/world/gunmen-kill-7-on-bus-bound-for-egyptian-monastery-archbishop-10892612

Nenhum comentário: